SUAS VISITAS AO OBSTETRA

CONSULTAS

Sua primeira consulta pré-natal é muito importante. Nesta hora, seu médico vai querer saber sua história clínica completa e irá coletar informações para avaliar sua saúde. Seu médico irá fazer um exame físico completo que geralmente inclui  um exame pélvico. Isto é feito para detectar qualquer problema de saúde e assegurar que você terá uma gestação saudável.

Serão realizados vários exames de sangue, através dos quais seu médico irá avaliar o seu tipo sangüíneo, o fator Rh, presença de anemia, sorologia para sífilis, hepatite B, toxoplasmose, rubéola e Anti-HIV, além de dosagem de glicose no sangue para afastar a possibilidade de Diabetes Mellitus.

A amostra de urina irá detectar algum problema na bexiga ou rins. Mulheres grávidas podem com freqüência apresentar infecção urinária sem qualquer sintoma.

Nas suas próximas consultas seu médico irá:

°         Medir sua pressão arterial

°         Verificar seu peso

°         Medir a altura uterina

°         Verificar a freqüência cardíaca do bebê e os movimentos dele

 

 

As consultas são geralmente mensais até a 32ª ou 34ª semana. A partir daí as consultas serão a cada 2 semanas até a 37ª semana, e após isso você terá que retornar semanalmente até o parto. Sempre comunique qualquer ansiedade que você possa estar ocorrendo sobre a sua gravidez. Seu médico vai querer ajudá-la da melhor maneira possível.

EXAMES REALIZADOS NA GRAVIDEZ

Os exames realizados durante a gravidez são chamados exames pré-natais. Algumas vezes esses exames são opcionais, mas existem situações em que são extremamente recomendados. Seu médico pode discutir todas as opções com você. A seguir estão algumas perguntas que você poderá fazer quando algum exame for pedido:

°         Por que este exame está sendo pedido para mim?

°         Como este exame é feito?

°         Este exame é desconfortável ou doloroso?

°         Qual são os riscos deste exame?

°         Qual é a acurácia do exame?

°         Quando saberei o resultado?

°         Meu seguro saúde cobre esse exame?

°         Quanto custa ?

Exame de Anti-HIV – Mulheres em idade reprodutiva são o grupo em que mais cresce o número de pessoas infectadas pelo HIV, o vírus que causa AIDS. Fatores de alto risco incluem sexo sem o uso de preservativo e uso de drogas injetáveis. Se o seu médico sabe que você tem o vírus, ele poderá tratar você com medicações que podem reduzir muito o risco do bebê contrair o HIV. Na verdade o tratamento tem mostrado que o risco de transmissão para o bebê é menor que 10%. Além disso, o tratamento para o vírus pode ajudar a mulher HIV positivo a ter uma vida longa e saudável, permitindo mais tempo para participar da vida do filho. Lembre-se que o resultado do exame de HIV é considerado confidencial. Está doença é apenas notificada aos órgãos de saúde pública.

Amniocentese – Este exame pode detectar anomalias cromossômicas retirando líquido aminiótico da bolsa que envolve o bebê com uma agulha e examinando-o no laboratório. Estes exames geralmente são feitos no início da gravidez, entre 16-18 semanas. O sexo do bebê também pode ser determinado por esse exame, mas isso raramente justifica a realização do mesmo. Se for considerada a realização de um parto prematuro pela saúde da mão ou do bebê, o exame pode dar uma valiosa informação sobre a maturidade pulmonar. Se o exame for recomendado por essa razão, ele será realizado no último trimestre.

Biópsia de vilo corial – Ë um outro exame que pode detectar anomalias cromossômicas através do exame do tecido placentário. A biópsia de vilosidades coriônicas pode ser realizada entre 10-12 semanas de gestação. O tecido é retirado de dentro do útero através de uma agulha.

Teste triplo – É um exame de sangue usado para rastreamento da Síndrome de Down e/ou defeitos do tubo neural (problemas no cérebro ou medula). O teste é chamado de teste triplo porque três substâncias no seu sangue são dosadas. Todas essas substâncias estão geralmente presente no sangue de mulheres grávidas. Se os seus níveis no sangue estiverem mais altos que a média, outros testes serão necessários. Este exame sozinho não confirma a presença de Síndrome de Down e/ou defeitos do tubo neural. No Brasil a aplicação é limitada em função da pouca experiência clínica dos laboratórios.

Teste de sobrecarga de glicose – Cerca de 3% a 7% de todas as gestantes são diabéticas, e às vezes não sabem disso. A gestação é uma excelente oportunidade para o diagnóstico. A maioria das mulheres é capaz de realizar um aumento da produção da insulina necessária para a gestação. Uma pequena porcentagem de mulheres, entretanto, não é capaz de produzir insulina suficiente e desenvolve diabetes durante a gravidez. Se o problema não for detectado, ocorre um aumento do nível de glicose (açúcar) no sangue, que pode fazer você sentir-se cansada e preguiçosa e levar a um ganho de peso excessivo para o bebê. O rastreamento é realizado no início da gravidez e ás vezes repetido com 28 semanas de gestação. Você irá beber uma solução com açúcar e após uma hora será realizada a coleta do sangue. Se você tiver história familiar de diabetes, ou outros fatores de risco seu médico ir pedir outros exames como a Curva Glicêmica. Se você já tem diabetes, o tratamento consiste em uma dieta especial, e pode em alguns casos, exigir o uso de insulina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *