A gengiva do bebê está coçando

Isso é sinal de que os primeiros dentinhos estão nascendo. Nessa fase, ele fica irritado, então saiba como identificar alguns sintomas.

Seu bebê anda colocando na boca tudo o que vê pela frente? Ou mordendo os brinquedos a todo instante? Calma, não se preocupe. Tudo isso é culpa de uma coceirinha chata, mas também necessária. É um aviso que os primeiros dentinhos estão chegando.

Quando o sorriso está se formando, a gengiva fica logo avermelhada e inchada. Depois, a criança começa a levar objetos à boca para morder. Ele faz isso para ter algum alívio e se livrar da coceira. Alguns bebês ficam mais irritados por causa da pressão do dente para sair da gengiva. Febres podem acontecer, mas sempre baixas e passageiras. O fluxo de saliva também aumenta, então já viu, baba para todo lado

A coceira desconfortável acontece por causa da erupção dos dentes. Para aliviar, ofereça ao bebê um mordedor. Ele tem a forma ideal para massagear as gengivas sem machucar, aliviando a coceira. São feitos com materiais esterilizáveis e muitos deles têm dentro um gel que os mantêm geladinhos (é só deixar o mordedor por um tempo na geladeira).

Geralmente, a dentição começa a se formar por volta dos seis meses. Ao completar um ano, os bebês apresentam quatro incisivos superiores e quatro incisivos inferiores. Mas isso é apenas uma previsão e não uma data padrão. Até os 3 anos, ele estará com a primeira dentição completa: 20 pequenos dentinhos de coloração leitosa – 10 na arcada de cima e 10 na arcada de baixo.

Durante esse período, papais e mamães não devem descuidar da higiene bucal. Esse cuidado vai prevenir o aparecimento de cáries e preparar a gengiva para a erupção dos próximos dentes. A limpeza da boca do bebê deve começar desde cedo, ainda sem os dentes. Ela pode ser feita com uma gaze ou dedeira molhada em água filtrada.

Assim que o primeiro dentinho aparecer é hora de comprar uma escovinha. É importante que ela tenha cerdas macias para não machucar as gengivas. A higiene pode ser feita apenas com a escova dental e água filtrada, ou com um creme dental sem flúor. Inclusive, esta é uma dica importante: bebês e crianças devem utilizar creme dental sem flúor até os 4 anos de idade, para prevenir a fluorose, doença irreversível que afeta o esmalte dos dentes permanente. Os dentistas recomendam a substituição da escova a cada dois ou três meses porque as cerdas se deformam, dificultando uma escovação eficaz.

É extremamente importante esse cuidado, pois os dentes de leite são fundamentais não só por auxiliarem na alimentação da criança, mas porque desempenham papel importante no desenvolvimento da fala e dos ossos da face.

A amamentação também é essencial na formação de dentes saudáveis. A sucção exercida pelo bebê sobre o peito materno ajuda no desenvolvimento da mandíbula, pois, para mamar, a criança precisa movimentá-la.

Aproveite esse momento com seu filho. Essa fase é única na vida da mamãe e do bebê.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *