Variação de temperatura influencia nascimento de bebês meninos e meninas, segundo pesquisa

Segundo uma pesquisa científica, mulheres que moram em climas mais frios são mais suscetíveis a dar origem a bebês meninos.
Na pesquisa, publicada no jornal inglês Daily Mail, os pesquisadores afirmam ter encontrado uma ligação entre o clima e latitude de um país e a proporção de meninos nascidos lá.

Em média, para cada 100 bebês meninas recém-nascidas em todo o mundo, existem 105 bebês meninos.

Acontece que os meninos são mais frágeis do que as meninas e morrem mais na infância de doenças, acidentes e desnutrição. Até o momento que atingem a maturidade passa a existir um equilíbrio, ou seja, a existência de um número equivalente de meninos e meninas.

Dra. Kristen Navara, da Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos, fez uma estatística de nascimentos em 202 países, do ano de 1997 até 2006.
Ela olhou para a proporção de bebês meninos para bebê meninas em relação a variação de temperaturas no seu lugar de nascimento.
Em países tropicais, 48,9 por cento dos recém-nascidos eram meninas. Mas, em países mais frios, a média foi de 48,7 por cento.

Em uma matéria publicada no jornal da Royal Society Biology Letters, a Dra. Navara disse: “Este padrão se manteve forte, apesar da enorme variação no estilo de vida e situação econômica, sugerindo que variáveis latitudinais podem agir como um fator dominante para a diferença sexual entre os seres humanos”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *