ALIMENTOS PARA ALIVIAR AS DORES NA GESTAÇÃO

Até o nascimento do bebê as mamães podem sofrer outros incômodos como tonturas, cansaço ou prisão de ventre. Para amenizar esses sintomas o ideal é a gestante manter uma alimentação equilibrada em vitaminas, proteínas e minerais.
De acordo com a nutróloga Liliane Oppermann (CRM-123314), a mãe deve ingerir um cardápio variado com todos os tipos de nutrientes que ela e o bebê precisam.
“O ideal é se alimentar de maneira saudável e sem excessos, para suprir as necessidades da gestante e do bebê. É importante consumir cereais, frutas, carnes, laticínios, produtos integrais, mas todos eles devem ser ingeridos na quantidade certa”, explica a médica.
Durante essa fase é preciso aumentar o consumo de calorias e por esse motivo, as mamães devem alimentar-se várias vezes ao dia, procurando fazer refeições pequenas e com intervalos regulares.
“Alimentação durante a gestação requer de alguns cuidados. A mãe deve evitar consumir doses exageradas de fontes de açúcar, óleos e gorduras. Alimentos indigestos e sal devem ser ingeridos moderadamente. Bebidas alcoólicas e café não devem ser consumidos”, recomenda a nutróloga Liliane Oppermann.
Alimentos do bem
Existem alguns alimentos que devem ser evitados ou consumidos bem pouco durante a gravidez. Ingerir alimentos ricos em ferro como carne vermelha, feijão, espinafre, beterraba e ácido fólico que pode ser encontrado em verduras com cor verde escura, ajudam o organismo a receber a gestação e amenizam os sintomas que a mulher sofre durante esse período.
“As câimbras, náuseas, inchaço podem ser aliviados com a ingestão de alguns alimentos. Tomar bastante água e consumir algumas frutas como laranja, abacaxi, banana é uma alternativa para a gestante que sofre com esses desconfortos”, esclarece a nutróloga Liliane Oppermann.
A nutróloga Liliane Oppermann revela quais são os alimentos que podem interferir no organismo e amenizar esses problemas. Mamães anotem na sua agenda e não se esqueçam de consumi-los:
Espinafre, rúcula, frutas cítricas e grãos integrais amenizam os enjoos
Ricos em ácido fólico nutriente que é fundamental para as gestantes, esses alimentos estimulam a formação dos ácidos digestivos que favorece para o esvaziamento gástrico auxiliando na diminuição dos enjoos.
“Os vegetais escuros devem ser consumidos durante toda a gestação. Eles são ricos em vitaminas como A, B2,K e E. Além de, prevenir a malformações fetais durante o primeiro trimestre da gravidez devido a quantidade de ácido fólico encontrada nesses alimentos, eles também amenizam os enjoos”,alerta a nutróloga Liliane Oppermann.
Banana nanica reduz câimbras na gestação
Às câimbras que ocorrem em algumas gestantes acontecem por causa da falta de cálcio e potássio no organismo. Para amenizá-las, beba bastante água e consuma banana que é uma excelente fonte de potássio e vitamina B6.
Fique de olho no sal e evite inchaço nos pés
O inchaço na gravidez ocorre devido à retenção de líquidos que comprimi os vasos localizados na região pélvica, prejudicando o retorno do sangue que está nas pernas. Para evitar esse problema a gestante deve reduzir o consumo de sal e evitar alimentos com alto teor de sódio e gordurosos.
Abacaxi alivia ânsia e vômitos
É uma fruta rica em vitamina C, sendo considerado um nutriente importante para o fortalecimento do sistema imunológico e da placenta. O seu consumo ajuda a reduzir ânsia e vômitos durante a gravidez.
Acabe com a prisão de ventre consumindo alimentos ricos em fibras
O crescimento do útero é um dos fatores que acarretam a prisão de ventre. O segredo para amenizar esse problema é ingerir bastante líquido e consumir mamão, ameixa, polvilhe farelo de aveia ou farinha de linhaça sobre a comida.
Ingredientes Mágicos
Conheça outras fontes de alimentos que não devem faltar nas refeições da mamãe para que ela desenvolva uma gestação saudável e tranquila:
Carboidrato
A carência do carboidrato pode provocar fadiga excessiva na gestante. Por isso, inclua em suas refeições batata, arroz, pão e massas.
Ferro
O ferro contribui para a formação das células sanguíneas do feto. A falta desse alimento pode causar anemia, prejudicando a saúde da mãe e do bebê. Não deixe de consumir feijão, fígado, legumes e verduras em geral.
Niacina (Do complexo B)
A falta de niacina pode causar diarreia, dermatite e intenso nervosismo na gestante. Ela pode ser encontrada em verduras, legumes, ovos, carne magra, leite e derivados.
Cálcio e Fósforo
A inexistência desses alimentos provocam malformação óssea, gengivite e câimbras. Consuma leite e derivados, gema de ovo e cereais integrais que são ricos em cálcio. Já as carnes magras e laticínios fornecem fósforo.
É importante sempre lembrar que o crescimento do bebê é responsável por aquilo que a mãe come. Por isso, vamos começar a comer bem mamãe?
– Prefira os carboidratos integrais como arroz integral, macarrão integral, aveia, granola, pão integral, biscoito integral;
– Escolha carnes magras como o peito de frango ou carne vermelha;
– Consuma três a cinco frutas no dia. Uma em cada refeição;
– Prepare e cozinhe os alimentos de forma simples;
– Beba bastante água e também leite ou seus derivados;
– Evite consumir alimentos muito condimentados e com demasiado sal;
-Não deixe de lavar bem os alimentos antes de comer,
Fonte- Nutrologa Liliane Oppermann – (CRM 123314)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *