GRÁVIDA VEGETARIANA: DESCUBRA COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO EQUILIBRADA

Manter uma alimentação saudável favorece na concepção e no desenvolvimento do feto. Durante a gravidez as mães devem ingerir proteínas, cálcio, ácido fólico e ferro na alimentação. É importante ter a consciência que na gravidez toda a condição nutricional aumenta em media para 300 quilocalorias (kcal). A grávida deve saber escolher os alimentos certos que forneçam quantidades certas de fibras, minerais e vitaminas.
De acordo com Nutróloga Liliane Oppermann a mulheres vegetarianas em período gestacional devem estar atentas ao consumo de alguns nutrientes que são necessários em maiores quantidades nesta fase. “As vantagens de ser uma grávida vegetariana estão relacionadas no melhor controle do peso corporal, regulação do trânsito intestinal e na saciedade, devido a uma elevada ingestão de fibra através do consumo de cereais e de legumes. O fato de estar grávida irá exigir um grande esforço ao corpo da mulher; no entanto, é importante manter uma alimentação balanceada para não prejudicar a saúde da gestante ou do bebê”, explicou.
As futuras mães devem conhecer a composição de cada alimento para suprir suas necessidades no decorrer da gravidez. O alimento de origem animal, por exemplo, contém proteínas ricas em aminoácidos que fortalecem a saúde da gestante. “Pode ser que as vegetarianas tenham de ingerir suplementos alimentares para suprir a vitamina B12 que corresponde à substância, encontrada somente em alimentos de origem animal. Ela está relacionada ao desenvolvimento do sistema neurológico e sanguíneo. Mesmo as que comem ovos ou laticínios podem precisar do suplemento. Por isso, é melhor não arriscar”, aconselhou a nutróloga, Liliane Oppermann.
Esse problema pode se repetir várias vezes, isso também acontece com o ferro que é rico na carne vermelha. As vegetarianas podem substituir a carne pelos feijões, frutas secas, açaí e grão-de-bico ,lembrando que o ferro vegetal é pouco disponível por ser ferro não heme.
As ovolactovegetarianas estão mais protegidas contra a falta de nutrientes do que as vegetarianas veja que não consomem nada de origem animal.
Alimentação Balanceada
Ser vegetariana proporciona alguns benefícios como ingerir alimentos com menos gorduras saturadas evitando o colesterol, mais fibras, vitaminas e antioxidantes. Mas, a carência de proteínas pode acarretar problemas na gestação e parto.
Conheça algumas dicas que vão assegurar a sua saúde e do seu bebê:
– Ingira grãos integrais e vegetais verdes escuros, que são ricos em vitaminas A, B9 e B12.
– Acrescente a vitamina C em suas refeições como: laranja, limão e kiwi.Ela melhora a absorção de ferro.
-Evite ingerir doces e guloseimas, principalmente próximo às refeições, pois o oxalato presente pode interferir na absorção do ferro mesmo na presença de vitamina C.
– Tofu, pasta de grão-de-bico, sopa de lentilha, farinha de linhaça são proteínas e, lembre-se que você precisa consumir alimentos com proteínas.
-Consuma os vegetais cozidos ou no vapor, pois os crus a gestante pode correr um risco de contaminação por microrganismos devido a má higienização.
– Mantenha o acompanhamento médico pré natal em dia durante a gestação. Esses cuidados ajudam a prevenir doenças e manter uma alimentação equilibrada sem exageros.
Fonte- Nutróloga Liliane Oppermann

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *