SAIBA O QUE E COMO A CRIANÇA APRENDE APÓS 1 ANO DE IDADE

Antes do primeiro ano de idade, seu bebê começa a engatinhar. Tudo que vê ele quer pegar para saber qual a textura, temperatura e gosto, é a partir daí que os ensinamentos se tornam constantes e são indispensáveis para a educação do dia-a-dia do seu filho.
Quando completa um ano de idade a criança imita qualquer ação do adulto, que é seu espelho constante. Muitos diminuem do engatinhar para querer andar em pé e sozinho, tentando ser independente. O que nos resta é respeitar sua individualidade.
Tudo a criança vai experimentar e aprender aos poucos como, arrancar ou colocar roupas, sapatos, meias, etc. Entre 1 ano e 2 anos, adoram arrancar as roupas e sentir o seu corpo, apertam o seu braço, pegam o pé, na coxa. Mas elas só vão conseguir se vestir sozinhas depois dos 5 anos.
Às vezes todos nós nos perguntamos, onde é que essa criança aprendeu isso? Não é preciso ser pai ou mãe para saber que as crianças tentam expressar tudo aquilo que já nos viram fazer. É como se tivéssemos um espelho a nossa frente refletindo exatamente nossos gestos e manias. Por isso, é fundamental saber como falar e agir com seu filho.
Para algumas mães, a idade mais complicada para educar é a que vai dos 2 aos 5 anos. E é nessa fase de reconhecimento da vida da criança que as preocupações só aumentam. Agora ao invés de balbuciar pequenas frases ligadas a uma ação, seu filho vai procurar outras formas de comunicação, aprenderá a questionar, testar limites, negociar e aprender tudo que puder.
A fonoaudióloga Ana Paula Bautzer, da Clínica de Especialidades Integrada explica que os bebês devem ser estimulados desde o seu nascimento, qualquer toque, conversa e novas experiências serão benéficas a evolução da fala e linguagem. Além disso, os pais devem ensinar os filhos a pronuncia correta das palavras, mesmo que de imediato não consigam.
Outra característica delas dentro desse período é saber quando estão prontas para começar a ficarem sem as fraldas. Têm mães que não sabem como encarar essa nova etapa. O importante é se manter tranquila. Esse é um período de adaptação que precisa ser respeitado. Se o seu filho demorar em deixar as fraldas, não se preocupe, não existe um tempo certo. As mamães não devem forçá-los a isso, pois eles podem desenvolver sérios problemas de incontinência urinária ou de intestino preso.
Os primeiros anos são essenciais. Todas as fases do seu filho precisam ter um certo grau de atenção, afinal é no início da vida dele que os pais conseguem enxergar se a criança precisa ou não de um acompanhamento médico ou outro profissional específico.
Fonte- Ana Paula Bautzer, Fonoaudióloga da Clínica de Especialidades Integrada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *